Egresso

Projeto Pedagógico Institucional

Conceber a competência intelectual em termos de qualificação puramente técnica, sem levar em conta as demais dimensões do humano, é contribuir para a manutenção de uma estrutura social injusta, fundamentada em heranças excludentes.  A Faculdade Metropolitana de Maringá tem como propósito a formação integral, para o que não pode abrir mão de incentivar e proporcionar condições de desenvolvimento de diferentes capacidades, bem como de atualização contínua.

Por outro lado, importa à IES  ouvir os egressos sobre as condições de mercado de trabalho que encontram, as capacidades que o mundo do trabalho – formal e informal – está a requerer, os desafios que enfrentam percebidos e analisados a partir da formação que receberam, dentre outras questões. A interação regular com os egressos e o acompanhamento dos mesmos está pautada no Plano de Acompanhamento do Egresso, prevendo participar de seu processo de formação continuada, oferecendo-lhes cursos em nível de extensão, especialização e aperfeiçoamento, dentre outros; ouvi-los, via CPA, no intuito de aprimorar os cursos de graduação, adequando-os às mutáveis necessidades sociais e do mercado de trabalho; manter intercâmbio entre a IES e empresas, por intermédio de ex-alunos, ampliando, desse modo, as possibilidades de visitas técnicas, parcerias e estágios; intensificar ações de responsabilidade social, educação ambiental, inclusão social e de cidadania onde a IES está inserida; analisar a empregabilidade dos ex-alunos da Faculdade Metropolitana de Maringá, a participação dos egressos juntos às entidades de classe e empresas do setor.